Header Ads

Mayweather x McGregor AO VIVO 26/08/2017

____________________________

 Mayweather x McGregor AO VIVO Online 26/08/2017


 Mayweather x McGregor ao vivo 24/08/2017 -  Horário : 19:30h ( Brasília) Assistir - Transmissão na TV: Combate

Assistir Mayweather x McGregor ao vivo grátis em HD 24/08/2017

Neste sábado (dia 26), acontece na T-Mobile Arena, em Las Vegas (Nevada, EUA), provavelmente a maior luta já realizada em qualquer esporte de combate na história da humanidade. Trata-se da disputa de boxe entre o multicampeão invicto, doze vezes campeão mundial em seis categorias distintas, Floyd Mayweather, e o ex-campeão peso-pena e atual detentor do título linear dos leves do UFC, Conor McGregor.

Atualmente ambos são as figuras mais populares em seus respectivos esportes. Tanto Mayweather (boxe), quanto McGregor (MMA), são responsáveis pelas maiores vendas de pacotes de pay-per-view em suas organizações. Floyd já é um figura consolidada na mídia e no esporte, com sua estreia no boxe profissional em 1996, o norte-americano percorreu uma carreira somente com triunfos sobre grandes nomes dentro do ringue, até hoje. Já Conor, teve uma ascensão rápida e meteórica. Mesmo com seu background no boxe, o irlandês começou a treinar artes marciais mistas na adolescência e estreou oficialmente no esporte em 2008, conquistou dois títulos diferentes no evento europeu Cage Warriors em 2012 (peso-pena e leve), e repetiu a dose no Ultimate em 2015 e 2016.

“Money” como já dito acima é um atleta invicto no boxe, com 49 vitórias e nenhuma derrota, dentre elas, 26 são por nocaute. Porém, Floyd precisou mudar seu estilo de luta de um tempo para cá, sendo que ele não nocauteia ninguém há praticamente dez anos (isso se não contarmos o KO trapaceiro sobre Victor Ortiz, em 2011). Adotando uma postura mais conservadora e uma guarda extremamente defensiva e impenetrável (se cogita que o mesmo só foi atingido cerca de sete golpes contundentes em toda sua carreira de 21 anos), Floyd frustra seus oponentes com bloqueios, movimentação, esquivas e contragolpes. O pugilista sequer chegou a tomar um knockdown na sua vida, nunca precisando que o árbitro central precisasse abrir contagem para ele no chão. A mudança de apelidos de “Pretty Boy” para “Money”, também aponta a mudança na abordagem do boxeador, de agressiva que buscava nocautes a uma um gameplay conservador e defensivo que visa vitórias por decisão.

Floyd Mayweather x Conor McGregor
AO VIVO pela TV Online: 
Encerrado

Dentre os maiores nome que o atual melhor na “doce ciência” já bateu, estão: Manny Pacquiao, Marcos Maidana, Saúl “Canelo” Álvarez, Miguel Cotto, Juan Manuel Márquez e Oscar de la Hoya.

Já o “Notório” difere de certos aspectos. Onze anos mais jovem, canhoto e pouco ortodoxo, foi ele mesmo quem busco essa superluta. Após conquistar o cinturão interino dos penas em 2015, sobre Chad Mendes, no UFC 189, em seguida unificar os títulos e se tornar o campeão linear da divisão até 66kg, ao nocautear em 13 segundos o campeão incontestável, José Aldo, no UFC 194, em dezembro do mesmo ano, e ser o único homem na história do UFC ao possuir simultaneamente dois título de categorias diferentes, ao nocautear Eddie Alvarez, no UFC 205, em novembro de 2016, se tornando assim campeão peso-leve (até 70kg) também.

Após seus feitos mais notáveis, McGregor começou uma campanha quase promocional por uma luta contra Mayweather. Isso sendo que o americano já se encontrava aposentado do esporte, após bater Berto por decisão em setembro de 2015, na até então última luta de sua carreira. Todo falatório e provocações começaram no segundo semestre de 2016, até que Floyd anunciou que estava abandonando oficialmente sua aposentadoria somente por Conor McGregor, e demonstrou o interesse que a luta fosse marcada o quanto antes.  

A mídia especializada criticava a possibilidade da superluta de fato acontecer, e descartava a hipótese de sequer cogitar em encontro entre os dois. Até que Dana White (presidente do UFC), foi até os responsáveis do boxe e em comum acordo conseguiu marcar oficialmente o duelo para dia 26 de agosto, tudo isso em junho deste ano.

Ao ser anunciada oficialmente a luta, as reações foram das mais adversas. No começo de julho, ambos saíram para uma turnê promocional de divulgação da luta, que passou por quatro cidade: Los Angeles, Toronto, Nova Iorque e Londres.  Ocasiões em que o “Notório” e “Money” protagonizaram shows a parte e solidificaram ainda mais sua rivalidade em monólogos, provocações e declarações à imprensa.

A lógica parece dizer que McGregor não tem chance alguma. Mesmo com um background no boxe, bem mais jovem, canhoto (Floyd têm dificuldade em enfrentar lutadores com a mão esquerda mais poderosa) e com um estilo pouco ortodoxo, isso que seu footwork é peculiar do MMA e sua guarda é oriunda do karatê, Conor também poderá usar seus chutes e muito menos a luta agarrada, já que o árbitro no boxe separa os adversários imediatamente após entrarem no clinch. No entanto, o que colocará milhões de pessoas ao redor do mundo na frente da TV neste sábado (suspeita que o evento quebrará o recorde da maior venda de pacotes de pay-per-view, atualmente pertencente a Mayweather x Pacquiao - 4,6 milhões de unidades vendidas), é a remota esperança de um nocaute do irlandês que mancharia definitivamente o legado de Mayweather, que está prestes a quebrar o recorde da maior sequência invicta na história boxe (atualmente ele está 49-0, mesmo cartel do campeão peso-pesado Rocky Marcano, ao se aposentar em 1955), conquistando sua a vitória em sua luta de número 50 e assim aposentar fazendo história.

O experiente e incontestável campeão, Floyd Mayweather, bate de frente contra o faminto e jovem nocauteador, Conor McGregor, que busca mais uma vez fazer história ao conquistar o “money belt”, o cinturão da divisão peso-médio-ligeiro, que estará em jogo hoje. Quanto a pagamentos, segundo a NAC, Mayweather receberá US$ 100 milhões (R$ 310 milhões) e McGregor US$ 30 milhões (R$ 93 milhões). O valor, no entanto, não inclui ainda os percentuais que eles vão receber com vendas de pay-per-view nos EUA e com os direitos de transmissão internacional, o que deve extrapolar a casa de centenas de milhões de dólares. Já que no início do mês, Floyd disse que esperava faturar US$ 350 milhões (R$ 1.105.908,50 bilhão) no duelo.

Independente do resultado, estaremos presenciando um ato histórico. O choque entre boxe e MMA, e as duas maiores figuras do mundo das lutas atualmente. Sendo que popularidade nem sempre é um sinal de aceitação, contando que o grande público não seja de fato fã de alguns dois, porém, a certeza é que ninguém deixará de assistir.


May-Mac
26 de agosto, em Las Vegas (EUA)

CARD PRINCIPAL (22h, horário de Brasília):
Peso-super-meio-médio: Floyd Mayweather x Conor McGregor
Peso-leve-júnior: Gervonta Davis x Francisco Fonseca
Peso-meio-pesado: Nathan Cleverly x Badou Jack
Peso-cruzador: Andrew Tabiti x Steve Cunningham
CARD PRELIMINAR (20h, horário de Brasília):
Peso-meio-médio: Yordenis Ugas x Thomas Dulorme
Peso-meio-médio: Juan Heraldez x Jose Miguel Borrego
Peso-super-médio: Kevin Newman x Antonio Hernandez
Peso-super-médio: Savannah Marshall x Amy Coleman