Header Ads

Cris Cyborg enfrenta Megan Anderson pelo título peso-pena feminino, De Randamie perde o cinturão

____________________________

Cris Cyborg enfrenta Megan Anderson pelo título peso-pena feminino, De Randamie perde o cinturão


Depois de uma longa espera, Cris Cyborg agora já sabe quem enfrentará no dia 29 de julho, na cidade californiana de Anaheim, no UFC 214, pelo título dos penas: Megan Anderson. A adversário australiana é a atual campeã do Invicta FC na mesma categoria, mas só ficou com o cinturão depois que a brasileira o deixou vago ao ir para o Ultimate. O UFC anunciou a luta oficialmente nesta segunda-feira, confirmando que a disputa é pelo cinturão linear da categoria, que foi retirado da agora ex-detentora, a holandesa Germaine de Randamie, que se recusou a enfrentar a brasileira.

A holandesa, que conquistou o título inaugural da divisão em fevereiro ao vencer Holly Holm, afirmou que não enfrentaria a brasileira e acusou Cyborg de ter problemas com doping. Além disso, disse que gostaria de voltar à divisão peso-galo. Pelo lado da brasileira, inicialmente a expectativa era de que ela enfrentasse Cat Zingano no UFC 214, mas a americana disse que não conseguiria se preparar para a data do evento. 

O UFC divulgou um comunicado oficial. O texto é o seguinte: "Germaine de Randamie e seu empresário foram informados que ela não é mais a campeã do peso-pena feminino por se recusar a lutar com a desafiante número um da categoria, Cristiane Justino (Cris Cyborg). O UFC reforça a sua expectativa de que quaisquer campeões devam aceitar lutas contra os principais desafiantes de suas respectivas categorias para que a integridade do esporte seja mantida".

Alheia aos problemas de Germaine, Cyborg lutará pela primeira vez pelo título no UFC, e na divisão que fez campanha para que fosse criada, e que é a sua de origem. A brasileira de Curitiba, de 31 anos, tem um cartel com 17 vitórias e apenas uma derrota - esta em sua primeira luta de MMA, em 2005. Sua última luta foi com a sueca Lina Lansberg, em setembro do ano passado, no peso-casado de 63,5kg, quando venceu por nocaute no segundo round.

Megan Anderson, australiana radicada nos Estados Unidos, tem um cartel com oito vitórias e duas derrotas. A última vez em que subiu ao octógono foi em janeiro, quando venceu Charmaine Tweet, justamente pelo título dos penas do Invicta. O evento feminino chegou a anunciar sua primeira defesa de título, com a ucraniana Helena Kolesnyk, para o dia 15 de julho, mas Megan conseguiu chegar a um acerto para assinar com o Ultimate.



UFC 214
29 de julho, em Anaheim (EUA)

CARD DO EVENTO (até o momento):
Peso-meio-pesado: Daniel Cormier x Jon Jones
Peso-pena: Cris Cyborg x Megan Anderson
Peso-galo: Renan Barão x Aljamain Sterling
Peso-meio-pesado: Jimi Manuwa x Volkan Oezdemir
Peso-pena: Ricardo Lamas x Jason Knight
Peso-pena: Andre Fili x adversário a ser definido
Peso-leve: Sage Northcutt x Claudio Puelles
peso-palha: Kailin Curran x Aleksandra Albu
Peso-leve: Josh Burkman x Drew Dober
Peso-mosca: Jarred Brooks x Eric Shelton
Peso-pesado: Dmitri Smoliakov x Adam Wieczorec
Peso-pena: Brian Ortega x Renato Moicano