Header Ads

Aldo: “Os únicos que gostam de Conor são só irlandeses. Ninguém gosta dele!”

____________________________

Aldo: “Os únicos que gostam de Conor são só irlandeses. Ninguém gosta dele!”


Brasileiro campeão dos penas do UFC, José Aldo tem sua próxima luta marcada contra o detentor do título interino da categoria, o havaiano Max Holloway, dia 3 de junho, no UFC Rio. 

Porém, mesmo com um adversário a sua frente, Aldo parece ainda não esquecer do irlandês Conor McGregor. Responsável pela derrota mais traumática de sua carreira, aos 13 sugundos do primeiro round no evento principal do UFC 194, em dezembro de 2015. Findando um reinado de mais de oito anos de invencibilidade.

Em entrevista, “Sacraface” (apelido de Aldo na gringa) afirmou que a popularidade de Conor não é sinônimo de aceitação. E sua única torcida é povo de sua terra natal na Irlanda:

“A reputação de McGregor já está ferida. Os únicos que gostam deles são os irlandeses, e ninguém mais. Se você perguntar no Brasil ou em qualquer outro país, ninguém torce por ele, ninguém o considera campeão. Eles sempre vão considerá-lo um me***”.

Após sua derrota para o irlandês, Aldo retornou em julho de 2016 no UFC 200, quando enfrentou Frankie Edgar pelo título interino da categoria. Vencendo Edgar por decisão unânime, Aldo teve mais ponto positivo em sua carreira. Quando ainda em novembro do ano passado, Conor optou por abri mão do cinturão dos penas (logo após conquistar o título dos leves no UFC 205) oficializando assim o campeão interino (Aldo) o linear da faixa de peso até 66 kg.

Fonte: Combate