Header Ads

Roy Nelson pede desculpas a árbitro e tem pena reduzida

____________________________

Roy Nelson pede desculpas a árbitro e tem pena reduzida


O peso-pesado Roy Nelson, conquistou sua última vitória ao nocautear o brasileiro Antônio Pezão no UFC Brasília, em setembro. Ao fim da luta, Nelson agrediu o árbitro John McCarthy, com o motivo de que foi preciso aplicar demais golpes em seu adversário e amigo, para que o combate fosse encerrado. 

O americano recebeu suspensão de nove meses e uma multa de US$ 24 mil, mas, se caso se desculpasse formalmente até o final do mês de dezembro, sua pena seria reduzida para seis meses de suspensão e multa de US$ 13.700.

Roy Nelson se pronunciou oficialmente com um comunicado endereçado em especial para os fãs brasileiros e o árbitro:

“Gostaria de me desculpar com os fãs, que são os que fazem o nosso esporte, com a Comissão brasileira, o árbitro John McCarthy e o resto do mundo, meu time e especialmente minha família pelas minhas ações na minha última luta. Minhas ações foram fora do padrão. Não tenho nada contra ninguém, incluindo John McCarthy. Reconheço que cometi um erro. Não consigo me desculpar o bastante com o John McCarthy, com a comissão e com os fãs ao redor do mundo. Mal posso esperar para entrar novamente no octógono.”

Após seu pronunciamento oficial, o presidente do STJDMMA (Superior Tribunal de Justiça Desportiva do MMA), Marcelo Sedlmayer, decidiu que a punição seria reduzida em caso de pedido de desculpas para demonstrar o caráter educativo. Isso nunca tinha acontecido antes na história do UFC.

Fonte: MMA Space