Header Ads

Holm x Ramdemie valerá cinturão peso-pena; Cyborg reage

____________________________

Holm x Ramdemie valerá cinturão peso-pena; Cyborg reage


Depois de Dana White ter dito que o UFC introduziria uma nova categoria de peso feminino, a peso-pena (65,7 kg) , a organização oficializou a novidade na madrugada desta quarta-feira.

A ex-campeã peso-galo, Holly Holm, e a holandesa Germaine De Randamie disputarão o cinturão inaugural da nova divisão no dia 11 de fevereiro, no UFC 208, marcado para acontecer no Brooklyn, em Nova York. No mesmo dia, José Aldo e Max Holloway devem se enfrentar na reunificação do cinturão peso-pena masculino.

Dana já havia revelado na semana passada que a intenção da companhia era promover o duelo entre Holly Holm e Cris Cyborg ou entre a brasileira e De Randamie pelo cinturão da nova divisão de peso, mas a brasileira recusou por motivos de saúde

Cyborg é a campeã peso-pena do Invicta FC, ex-campeã do Strikeforce e há anos vem dominando a categoria, sendo considerada por muitos a melhor lutadora de MMA de todos os tempos.

Em entrevista, Cris Cyborg comentou:

“Estou feliz que o UFC criou a minha divisão. Há 11 anos luto para que as mulheres tenham os mesmo direitos dos homens, com muitas divisões. Todos sabem que eu sou a campeã do peso-pena, estou invicta há 10 anos nessa categoria. Os fãs de verdade sabem o que é de verdade”.

“A Holly vem de duas derrotas consecutivas e vai lutar pelo cinturão. Não tem regras no MMA. A última luta da categoria até 66kg masculina tinha um cara vindo de 10 a 0 (Max Holloway) contra outro com 1-5 nas últimas lutas (Pettis). Outros lutadores como eu têm que esperar para lutar pelo cinturão. Luta nessa categoria há 10 anos e até ontem o Dana disse que não tinham mulheres suficientes nela. Essa é a nossa realidade”.

Texto: Combate