Header Ads

Cyborg deixará UFC se sua categoria não for criada

____________________________

Cyborg deixará UFC se sua categoria não for criada


Atual campeã peso-pena (até 65,7 kg) do Invicta (evento de MMA feminino), a brasileira Cris Cyborg, já fez duas aparições no UFC. No 198, contra americana Leslie Smith, e no UFC Brasília, contra a sueca Lina Lansberg. Porém, ambas as lutas foram em peso casado (até 63,5 kg), já que a organização não possui tal categoria de peso para o campo feminino, tendo apenas o peso-galo (até 61kg) e peso-palha (até 52kg).

Cyborg já demonstrou extrema dificuldade e desgaste físico para bater o peso nos dois duelos, já o presidente do UFC, Dana White, ainda não demonstrou interesse em abrir uma categoria peso-pena feminino na organização. Em entrevista, a brasileira admitiu que deixará o UFC se não estrearam tão logo sua faixa de peso oficial no evento. 

Cris também disse estar visando outras organizações de MMA para performar futuramente:

“Vou continuar lutando para abrir mais divisões (no UFC). Se não tiver uma divisão no UFC, vou para alguma empresa como Rizin, Bellator ou outro evento na minha divisão. Vou continuar a lutar por ela. Quero ficar em 145 libras (65,7kg), sei que não é bom para a minha saúde ter que descer para 140 libras (63,5kg). A principal coisa é que existem duas lutas na minha categoria. Vou ficar e ver se o UFC abre minha divisão. Se não fizer isso, vou (embora)”.

Fonte: Combate