Header Ads

McGregor vaga cinturão peso-pena; Aldo é o novo campeão linear

____________________________

McGregor vaga cinturão peso-pena; Aldo é o novo campeão linear


Na noite de sábado (dia 26), foi confirmado oficialmente pelo UFC que o lutador irlandês Conor McGregor abriu a mão de um de seus títulos. Até então campeão simultâneo de duas categorias: peso-pena ao derrotar brasileiro José Aldo no UFC 194 em dezembro de 2015, e peso leve ao derrotar o americano Eddie Alvarez no UFC 205 em novembro. 

Após sua derrota e perda do título, Aldo, retornou aos octógonos em julho no UFC 200, onde conquistou o cinturão interino de sua categoria após vencer por decisão unânime Frankie Edgar.  

Desde então, McGregor nunca defendeu o título dos penas. Era se esperado que Conor enfrentasse o ex-campeão brasileiro Rafael dos Anjos pelo título peso leve no UFC 196. Porém, uma lesão ocasionou a saída do atleta Tupiniquim  resultando em sua substituição pelo peso leve Nate Diaz. 

Os lutadores se enfrentaram na categoria peso-meio-médio no evento principal do UFC 196, quando McGregor perdeu por finalização no segundo round de luta. A revanche foi marcada para o a edição 202, dessa vez "The Notorious" saiu com a vitória por decisão dividida dos juízes.

Em 12 de novembro, McGregor retornou ao seu plano original. Enfrentou o novo campeão dos leves, Eddie Alvarez, no evento de estreia da organização em Nova York, conquistou sua vitória por nocaute no segundo round e fez história ao ser o primeiro atleta a possuir dois cinturões de categorias distintas simultaneamente.

José Aldo teve problemas com UFC após o anúncio do evento principal da edição 205, chegou a anunciar sua aposentadoria do MMA e saída da da organização, forçou ao máximo seu desligamento da marca, porém, um contrato assinado impediu o brasileiro de deixar o barco. Implicando que o lutador ainda deve protagonizar seis lutas pelo evento. Assim, Aldo seguiu como campeão interino.

Outro fator que resultou na decisão de vagar o título foi o cancelamento do evento principal do UFC 206, que acontece no Canadá, no próximo sábado. O campeão dos meios-pesados, Daniel Cormier, faria sua segunda defesa de título contra o desafiante Anthony Johnson. No entanto, uma lesão o forçou abandonar a luta e também retirou Johnson do card do evento.

O co-evento entre os penas Max Hollaway e Anthony Pettis foi promovido para última luta do card principal, como é uma edição numerada a organização decidiu dar uma sustância ao evento decretando que a luta valerá o cinturão interino da categoria.

McGregor então decidiu abandonar seu primeiro cinturão conquistado no UFC, tornando Aldo que até então possuía a cinta interina, o novo campeão linear da categoria até 66 kg. O irlandês alegou querer se focar mais na defesa no seu novo título conquistado (peso-leve), ou então até ir atrás de uma terceira disputa de cinturão contra o campeão Tyron Woodley (meio-médio).

Fonte: UFC