Dos Anjos: "Sou o melhor lutador da categoria e vou provar isso de novo"

____________________________

Dos Anjos: "Sou o melhor lutador da categoria e vou provar isso de novo"


Demorou, mas Rafael dos Anjos se pronunciou sobre seu futuro após a perca do cinturão da categoria dos leves. Nocauteado no primeiro round por Eddie Alvarez em julho (7) desse ano, no UFC Fight Night 90, Rafael falou em entrevista sobre o aprendizado com a derrota, mudanças na equipe e os próximos passos na carreira.

“Não vi muitas vezes (a luta). Gravei na televisão, mas não vi nenhuma vez. Assisti aos melhores momentos na internet, mas não vi a luta toda. Tive uma noite ruim de trabalho. Quando você é um lutador e não tem uma noite boa no trabalho, isso acontece, perde a luta. Eddie teve uma ótima noite e eu uma ruim. Tenho certeza que sou o melhor lutador da categoria e vou provar isso de novo. Ainda estou com fome”, garantiu o brasileiro.

Questionado sobre as lições tomadas após o último revés, Dos Anjos afirmou que aprendeu muita coisa, principalmente a maneira como as pessoas lhe tratam antes e depois da perca do título da divisão: “Aprendi um monte de coisas, por exemplo, como as pessoas te tratam. Para cada pessoa da minha família teve um aprendizado. (…) As pessoas te tratam de uma maneira quando é o campeão, mas de outra quando você não é o campeão. Foi bom saber o que as pessoas realmente acham. Não podemos parar de fazer ajustes e faremos cortes de pessoas para ser campeão de novo. Felizmente alguns não estarão mais juntos de mim”.

Com luta marcada contra Tony Ferguson para o dia 5 de novembro, Rafael acredita que o vencedor desse combate se coloca como próximo desafiante. “Eu precisaria lutar contra alguém, aí fiquei pensando quem eu deveria enfrentar. Tony Ferguson é um cara que tem oito vitórias seguidas e Khabib Nurmagomedov está implorando por uma chance de disputar o cinturão, mas também lutaria contra ele para definir quem lutaria pelo cinturão. Acho que Tony é melhor do que Khabib, apesar de estar atrás no ranking. Acho que Tony está à frente dele porque tem lutado mais, estado mais ativo e está com oito vitórias seguidas. Esse é o cara que eu vou ganhar e depois vou lutar pelo título”.


Share on Google Plus

About Writer

UDMM - Mundo das Lutas - Eventos do UFC, Notícias e muito mais - Desde 2014.