McGregor diz que se sente o melhor do Mundo e vai trazer uma nova era nas lutas

____________________________

Coletiva: McGregor diz que se sente o número 1 e vai trazer uma nova era nas lutas


Agora há pouco publicamos parte das falas de José Aldo na coletiva de imprensa que aconteceu hoje nos em Las Vegas, onde acontecerá o UFC 194 - Confira aqui - O tom da entrevista é completamente diferente - Aldo fala da luta, dos treinamentos, das viagens para promover a luta e de coisas relacionadas, já o irlandês centrou todas as suas falas em si mesmo. Disse que sempre se sentiu o melhor do mundo, o favorito, menosprezou José Aldo e disse que vai trazer uma nova era nas lutas.  Confira abaixo.
Conor McGregor Coletiva UFC Las Vegas (Foto: Evelyn Rodrigues)
Serei um fantasma:
- Eu visualizo a luta acabando de forma imprevisível. Eu irei pressioná-lo, irei evitá-lo, irei acertá- lo de todas as formas: com o punho, cotovelo...eu serei um fantasma lá dentro. Ele pensará que eu estou lá, mas não estarei. Quando ele pensar que eu estou, eu não estarei. Vai ser uma obra prima e isso provará meu ponto, que eu sou o número um - declarou

Como se sente:
- Estou em estado zen, minha mente esta calma. Estou preparado e feliz de estar aqui. Fiz mais de 50 conferências. Estou feliz que o momento chegou. Minha preparação foi perfeita. Ter me preparado na minha casa foi ótimo também. Estou em estado zen e pronto para a performance da minha vida - garantiu o irlandês.

Previsão
Só é duro quando você o torna duro. E está sendo fácil demais pra mim até aqui. Esse vai ser um espetáculo, uma aula. Vou trazer uma nova era na luta. Eu sou um homem que tem algo a provar, e um homem que tem algo a provar é muito perigoso. Quero mostrar ao mundo a nova era das lutas. 
Favoritismo
Eu me sinto o favorito, com certeza. Sempre me tive como favorito. Me comporto como um campeão mundial desde que cheguei ao UFC. Vou lá e vou fazer o que eu preciso. As apostas são como eu me sinto.
Conor McGregor Coletiva UFC Las Vegas (Foto: Evelyn Rodrigues)

Ponto fraco de José Aldo
Eu sinto que o José, como muitos indivíduos, estão presos na rotina. Eles fazem tudo igual, seguem o padrão. É só rotina e repetição. Treinam trocação da mesma maneira e fazem grappling da mesma maneira. E acredito que isso fecha sua mente e limita sua visão. Ele faz as mesmas coisas sempre. É previsível. Assim como todos os outros lutadores.

Entrou na cabeça dele?
Eu não trabalhei duro para entrar na cabeça dele. Eu simplesmente fui verdadeiro comigo nos diferentes estágios do processo. Reagi como reagiria em cada estágio. Ele não pode deixar isso influenciá-lo. Ele deixou isso acontecer. Não forcei.

Aldo como o melhor peso-por-peso do mundo
 Muitas pessoas fizeram grandes coisas nesse esporte. Essa organização e esse esporte são minha vida. Eu era fã. Mas quando eu tinha 15 anos eu já pensava: posso bater nessas pessoas. Respeito essas pessoas, mas sempre achei que era melhor do que eles. Estou feliz em ouvir que ele é o melhor peso-por-peso, então estou falando para as pessoas que sou o número um. Essa luta é para descobrir quem é o melhor. E eu vou lá e vou provar isso para todos.

Eu gosto de ouvir as razões pelas quais estou aqui. Muitas vezes tiraram meu crédito. Então, agora sinto que estou na frente do cara certo. O melhor peso-por-peso, o único campeão peso-pena da história. O que vão falar quando ele cair? Estou curioso...

No octógono
Vou deixar a situação desenrolar. É uma liberdade de expressão pra mim. Vou me libertar. Quando meu o pé toca a lona do octógono, me sinto livre. Ninguém pode me dizer o que fazer lá. Eu faço o que penso e deixo fluir.

Calma antes da luta
 Como disse, estou em modo zen. Conforme a luta se aproxima, o rosto fica branco. Sou um quadro em branco. Não tenho expressão facial nem corporal. Uma nova era está para chegar. Estou calmo e pronto para “tomar conta” do corpo que vão botar na minha frente.
Comparações com outros lutadores
Várias vezes no jogo me comparam às pessoas. Me compararam ao Chael Sonnen, ao Anderson Silva, a Nick Diaz, a Muhammed Ali... Agora me comparam a Tyson Fury. Eu continuo dizendo que sou um homem único, estou na minha própria jornada. Eu sou eu mesmo. Não sou ninguém a não ser eu.

Fonte: Combate.com
Share on Google Plus

About UDMMA - Mundo das Lutas

UDMM - Mundo das Lutas - Eventos do UFC, Notícias e muito mais - Desde 2014.